Um Homem “Desistente”

A – Pois ! Criticas a Internet ! Mas serves-te dela para escreveres.

B – A “Internet” ! Falas de alguma mulher? Se colocamos toda a “realidade” – para lhe escaparmos? – por trás de um visor…

A “internet” – é como apenas lhe consegue chamar; não a consegue conceber, ou imaginar, de outro modo – parece ser, para o transeunte número um, o alvo do número dois. Como fundamentalista que nunca deixará de ser: inventou para si próprio, tentando impô-la, uma abstracção – portanto: uma mentira – “inquestionável”. É “padre” que dá jeito.

O transeunte número um tem a capacidade, que radica numa incapacidade, de nos colocar perante um travão; um novo dilema: santificou, como exemplo – há outros -, Steve Jobs. Sacralizou tudo aquilo que apelida, convencendo-se, assim, de uma sofisticação imaginária, de “digital”. Essa aspiração. Era necessário: encontramo-nos em época de crise. Mas ele também a criou julgando ultrapassar-se. Este ingénuo afirmava, contudo, “não ser religioso”.

Não percebeu que, para além da forma, não existe diferença fulcral entre o que tenta salvar e proteger e aquilo a que chama de “tradicional”. Ou outra “arquitectura” qualquer. Pode tentar esquecer. Mas por mais próteses que idealize: o ser humano está lá como chave principal. Como “empecilho” original. Ambas integram pluralidades. São, como tudo sempre foi, criticaveis. Por esta razão: mutáveis. Porque modificáveis. De preferência: para melhor.

O transeunte número um não “alcança” que estaremos um dia numa outra fase. Em distinto lugar. Que não lhe adiantam os lapsos de memória. Não lhe serve de nada, por mais contemporâneo que precise de ser, a falta de perspectiva histórica. Defende-se do passado. Porque é, deste modo, que evita o futuro. Nada disso justifica, apesar de tudo, o facto de se ter convertido em desistente. Bem sei que não estamos em época de metáforas: mas este homem, no fundo, gosta é de marketing.

Há já algum tempo que o tinhamos percebido.

Deixem-no repetir.

 


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: